blog >>> Trading

O que é trading e quem é o trader? Conceito e vantagens da profissão

por Redação Xpeed 23/11/2020

Para quem está começando no mercado financeiro principalmente, o termo trading não é de fácil compreensão logo de cara.

E tampouco quem é o trader, que lida com isso frequentemente no dia a dia.

Aproveitando a discussão já feita lá na estreia do blog sobre Day Trade ou Swing Trade, agora mostraremos a você:

  • O que é exatamente trading;
  • Quem é o trader;
  • Quais as vantagens do trading.

 

O que é exatamente trading

Trading pode ser interpretado como uma forma de negociação ou uma modalidade de investimento também.

Geralmente, se vale de curto prazo, consistindo na compra e venda de ações de alta liquidez.

Para ter uma ideia melhor de como acontece, as negociações desse tipo se mostram online, por meio de uma plataforma que realiza toda a operação remota e segura: home broker.

Essa prática já vem ganhando espaço no mercado há algum tempo, com muitas pessoas iniciando por aí e adquirindo lucros significativos.

O que muitos podem não saber também é que há dois modos de operar dentro do trading: manual e automático.

Explicaremos em mais detalhes cada um deles a seguir.

 

Trading manual

Costuma depender de um trader, exigindo constante leitura, atualização e acompanhamento do mercado.

Isso quer dizer que o trader tem de ficar presencialmente operando na plataforma, nos horários abertos para negociar.

 

Trading automático

Já aqui não é necessário o trader, mas, sim, robôs.

Esses, por sua vez, automatizam as tarefas de operar a compra e venda de ações.

Só que antes dos robôs atuarem, é preciso configurá-los.

Isso para que eles executem os comandos dentro de uma estratégia estabelecida pelo trader.

O que não acontece apenas uma vez: frequentemente o trader tem de configurar os robôs, já que é quem se atualizar conforme o mercado se movimenta.

>>> Saiba mais em: O que é um robô de investimento? Quais as principais vantagens e riscos?

Quem é o trader

Tendo definido trading e seus dois tipos, agora fica mais simples compreender o que faz um trader, não?

De toda forma, vamos ajudá-lo nesta: trader, então, é o profissional que ganha dinheiro com as tais operações de curto prazo.

E o que procura fazer geralmente?

Costuma se aproveitar da volatilidade do mercado, buscando ganhos financeiros ao realizar compra e venda de ações ou outros ativos negociados em Bolsa.

Definição de trading e trader

 

Perfil

Para trabalhar com trading é operar ações ou moedas sozinho, sabendo que se consegue ganhar muito ou perder na mesma proporção.

Dessa maneira, é considerado um trabalho autônomo, em que o trader é a única pessoa responsável por seus erros e acertos.

O que exige da sua atualização sobre o mercado financeiro ser constante, para sempre ter dados sobre:

  • Operações;
  • Ações mais rentáveis;
  • E mais.

O que tudo isso promove?

Geralmente, garante uma maior segurança em decisões mais fundamentadas e com maiores possibilidades de ganhos.

Tendo isso em mente, é importante que o trader iniciante se informe bastante e fique atento sobre como funciona esse mercado.

Só depois dessa etapa, recomenda-se abrir uma conta em uma corretora e contratar um serviço de home broker.

Além disso, um trader pode ser um colaborador de uma instituição financeira e/ou corretora.

Porém, também pode atuar de maneira autônoma, realizando operações para si próprio direto da própria casa.

 

Formação

Se engana quem pensa que para ser trader é obrigatório algum tipo de formação.

Isso porque não é preciso ter uma formação específica para ser trader.

Você pode ser economista, engenheiro, designer, do marketing ou professor de português e mesmo assim se tornar um ótimo trader.

Mas também não é tão simples e fácil assim…

Pois conhecer os conceitos de economia e entender o que pode influenciar os preços dos ativos negociados em Bolsa são fundamentais para ter sucesso de maneira sustentável neste mercado.

Ou seja, apesar da flexibilidade, o trader habitualmente possui formação em diversos cursos de administração e economia nas áreas de humanas ou em exatas.

 

Quais as vantagens do trading

O trader é essencial ao funcionamento do mercado, pois é o responsável por “precificar” os ativos no curto prazo, além de dar liquidez ao próprio mercado.

Além disso, alguns fatores potencializaram, e muito, os ganhos deste profissional, como:

  • O aumento da volatilidade no Brasil nos últimos anos;
  • A evolução das ferramentas utilizadas;
  • A criação de novos produtos.

E isso tudo contribuiu para fortalecer ainda mais essa carreira do mercado financeiro.

Agora, onde esses ótimos resultados demonstram-se na prática?

Abaixo, a lista que você tanta queria para ter a real noção de em quais pontos estão as vantagens, como:

  • Alavancagem com risco controlado;
  • Alta liquidez;
  • Oportunidade de operar 24 horas;
  • Resultados mais rápidos;
  • Diversificação.

O que isso significa realmente?

Uma série de fatos, como:

  • Maximização da rentabilidade;
  • Permissão para resgatar rapidamente o dinheiro;
  • Operação quase a todo momento;
  • Não é preciso esperar muito para obter lucros significativos;
  • Mais um opção de ativos na carteira.

As vantagens do trading

 

Porém, nem tudo é um mundo de conto de fadas…

Então, como em qualquer outro lugar, também há seus cuidados para serem tomados.

Por exemplo, conforme mencionado neste texto, é importante se atualizar constantemente sobre este mundo para ter algum tipo de sucesso dentro dele.

Além disso, é essencial aprender a desenvolver seu controle emocional.

No caso, quando há riscos maiores, tanto de grandes lucros como de grandes prejuízos, portanto, a gangorra de sentimentos é maior que aconteça.

Dessa forma, se não tiver um bom controle emocional, fica mais difícil seguir fazendo boas escolhas nas suas negociações.Botão Quero Aprender sobre Trading: Guia dos Primeiros Passos

Redação Xpeed

>>> Newsletter

Informações, novidades e conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail.